e-book: Criatividade – mudar a educação, transformar o mundo

Criatividade – mudar a educação, transformar o mundo, o novo livro digital do programa Escolas Transformadoras, apresenta a criatividade como um valor e uma habilidade essenciais para a formação de pessoas capazes de transformar a educação e a sociedade. 

Aqui, mais de 40 autores e autoras, entre estudantes, professores, gestores de escola, pesquisadores, profissionais do terceiro setor e professores universitários, abordam a criatividade como um dos valores transformadores essenciais para a superação de desafios na educação.

A publicação tem sua origem no Encontro Nacional realizado pelo programa, no Instituto Brincante. No encontro, a coordenação do programa organizou vivências sobre criatividade com o intuito de fomentar os diálogos e trocas entre sua rede.

Uma dessas vivências foi uma rodada de cocriação que visava, justamente, assentar as bases para a edição desse livro.

e-book: Recriando a Educação


e-book: Recriando a Educação
A Fundação Telefônica/Vivo em parceria com o GELP (Global Education Leaders Program - grupo que reúne líderes educacionais de vários países para refletir sobre novos caminhos da educação), traduziram para o português o livro Redesign Education - Recriando a Educação, que reúne reflexões, aprendizagens e experiências sobre os processos de inovação e transformação na educação. 

Uma contribuição importante para instrumentalizar quem acredita que é possível transformar pessoas, via Educação!

Fazem parte da publicação os seguintes temas:

capítulo 1 — Transformando a educação agora: forças incontroláveis de mudança
capítulo 2 — Constituindo um ecossistema de aprendizagem: novos atores, novas parcerias
capítulo 3 — Horizontes em transformação e realidades emergentes
capítulo 4 — Além dos fragmentos:escalabilidade e difusão
capítulo 5 — Possíveis trajetórias para a transformação
capítulo 6 — Reformulando a liderança nos sistemas educacionais do século XXI
capítulo 7 — Transformação dos sistemas:um trabalho em andamento

e-book: Modernidade e Sintomas Contemporâneos na Educação

e-book UNESP NEaD
O Núcleo de Educação a Distância da UNESP oferece várias publicações digitais gratuitas elaboradas pela equipe de autores/docentes da instituição. Já divulgamos outras publicações por aqui, mas acredito que este título - Modernidade e Sintomas Contemporâneos na Educação - veio em um excelente momento, já que temos enfrentado um cenário bastante complexo na Educação. 

Organizado por Carina Alexandra Rondini, especialista em Educação Especial Inclusiva e docente da Unesp, o livro reúne 10 artigos científicos fruto da pesquisa de 26 educadores e psicólogos universidades públicas e particulares. 

Os artigos buscam apontar caminhos para um processo de ensino e aprendizagem contextualizado com as mudanças tecnológicas e sociais das últimas décadas.

Clique para fazer o download gratuito!


Currículo de referência em Tecnologia e Computação

O CIEB - Centro de Inovação da Educação Brasileira, construiu um Currículo de Referência em Tecnologia e Computação, pautado nas habilidades e competências da BNCC

Uma grande contribuição para quem não quer perder tempo e quer colocar em prática algo que temos esperado tanto...

Clique aqui para acessar o material digital e fazer o download do currículo!

imagem interativa do currículo do CIEB

Revista - Aprendizagem Criativa

revista Aprendizagem Criativa
Muito bacana a iniciativa da Rede Brasileira de Aprendizagem Criativa, a Fundação Lemann e o MIT Media Lab ao lançarem uma publicação que compartilha as experiências das oito iniciativas selecionadas em 2018 pelo Desafio Aprendizagem Criativa Brasil (DAC Brasil).

A ideia é compartilhar práticas de forma a inspirar professores a realizarem projetos criativos no seu cotidiano, desmistificando a ideia de que isso possa ser difícil ou oneroso. Tendo como ponto de partida os 4 Ps que são a base da aprendizagem criativa: paixão, pares, pensar brincando (play) e projeto, mais o cenário de cada local trabalhado, a publicação mostra exemplos concretos de protagonismo e trabalho em equipe.

Acesse a publicação, baixe e inspire-se! 

Curadoria de Informações - Coleção de conteúdos - WAKELET

Você conhece o WAKELET ? Uma ferramenta incrível, fácil e amigável para armazenar seus conteúdos digitais preferidos! O WAKELET pode ser utilizado para fins pessoais, profissionais e educacionais. Ele faz uma coleção de informações selecionadas por você e as armazena por temática, facilitando sua busca posteriormente. Além disso, armazena links, vídeos, imagens, entre outros e permite compartilhamento das suas coleções.

Wakelet é uma interessante plataforma que ajuda a criar coleções de conteúdo a partir do que vemos na Internet, ideal para realizar trabalhos acadêmicos, por exemplo. Com Wakelet podemos assim administrar links e coleções, reordenando as coleções em nosso perfil e personalizando o aspecto das mesmas para compartilhá-las com outras pessoas. Podemos editar o título, a descrição e a imagem de cada link individual que agregarmos, assim como, incluir nossas próprias imagens e anotações nas coleções. Cada uma delas pode ser privada ou pública, e sempre é possível incorporar coleções em sites, seguir coleções de outros usuários de Wakelet e usar a plataforma integrada de mensagens.

Programa Google Innovators - Fluxograma - Desafio

Selo Innovator
Estamos em pleno vapor neste ano de 2019 para a Certificação de mais um grupo de educadores inovadores - os famosos Google Innovators. Se você é um educador que se destaca dos demais, navega contra a corrente cotidianamente, pensa em coisas que ninguém acredita e se sente sozinho de vez em quando, acho que você deve pensar em se inscrever nesse processo!

O link para realizar a inscrição e um super treinamento sobre como se preparar para as certificações Google For Education você acessa no website do Google Teacher Center. (Conheça os Innovators - inclusive euzinha aqui!!!) 

Grupo Innovators 2017

Para 2019 o processo de inscrição está sendo realizado através de uma plataforma exclusiva que permite que os passos sejam dados aos poucos e você consiga acessar o sistema a qualquer momento para ir completando sua inscrição. As inscrições foram abertas em janeiro e seguem até 27 de setembro. 

Neste post, um fluxograma incrível para construir seu desafio, elaborada pela Google Innovator FabianeAguiar , para facilitar sua vida. E lembre-se, esse fluxograma foi construído para o desafio do projeto de innovator, mas pode servir para descobrir o desafio de qualquer projeto que você venha a realizar.

Inspire-se acessando os links indicados, assistindo aos vídeos, conhecendo pessoas que estão compartilhando práticas, gerando aprendizagem significativa, engajando alunos no Brasil inteiro....

Acesse o Teacher Center no http://certifiedinnovators.com, escolha o menu certificações e comece a sua inscrição.

Siga o GEG Brasil para todos os detalhes da certificação. Acesse:

http://instagram.com/geg_brasil 
http://facebook.com/groups/gegbrasil

e-book: 8 passos para construir uma aula criativa!

O site SementeMaker - Pedagogia do Fazer organizou um e-book com dicas para planejar uma aula criativa. A "pegada" do material é a cultura maker, queridinha de todos educadores atualmente. 

Navegue pelo site e conheça mais projetos criativos! Você ficará surpreso com o que poderá aprender por meio de dicas simples e precisas para modificar sua aula !

Acesse o site, faça o cadastro e realize o download GRATUITO!

Curtas que arrebatam - sugestões de vídeos

Os autorretratos de Frida Kahlo (Finger and Toe)
A criança pequena é carente de boas indicações e referências diferenciadas para o trabalho na escola. Normalmente as indicações vem carregadas de estereótipos, seja no que se refere às imagens ou ao conteúdo.

Organizado pelo Laboratório da Educação, a série CURTAS QUE ARREBATAM é uma coletânea de vídeos para assistir com os pequenos. 

São vídeos especiais, com temáticas interessantes que servem de ponto de partida para um trabalho pedagógico bacana com seus alunos. Dá uma olhada lá! Tenho certeza que você vai gostar!

Clique aqui para acessar a série!


O que querem os alunos conectados?

Instituto Claro
Dicas valiosas para trabalhar em sala de aula com os alunos conectados... Tente inserir esses 4 passos no seu Plano de Aula.

1) Aprender ativamente - os estudantes aproveitam melhor as aulas quando participam da construção do conhecimento. Pense em atividades nas quais os alunos sejam os protagonistas. 

2) Cooperar é preciso - estimule a cooperação: a cooperação entre os alunos é um fator importante para o bom desempenho escolar. Organize grupos, solicite atividades em duplas, trios, grupos, incentive a colaboração.

3) Retorno rápido - promova atividades com feedback imediato: quanto mais oportunidades os estudantes tem de aplicar as ideias aprendidas e checar seus erros e acertos, mais rápido aprendem. Quizzes ao final da aula são uma boa alternativa!

4) Escola conectada com o mundo lá fora - relacione o conteúdo ao mundo real: conecte o conteúdo dado em sala de aula com a realidade dos alunos, para despertar seu interesse. Não distancie seus exemplos de coisas que eles possam aplicar imediatamente. Dê concretude ao que está explicando.

Novas Gerações, novos pensamentos...

Educar as novas gerações de alunos hiperconectados é um desafio que conheço bem. Estou no magistério há muito tempo (mesmo!) e acompanhei várias mudanças, porém, nenhuma tão significativa como a chegada da internet e com ela as TDIC - Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação.  Por isso, sempre me perguntam como o aluno nascido no meio digital lida com o modelo tradicional de escola e se hoje em dia o uso de novas tecnologias em sala é adequado.

É preciso ter muito cuidado ao falar sobre a relação entre o aluno digital e a escola. Os alunos pertencentes a essa geração reconhecem a importância da escola e dos professores, porém, não acreditam mais no seu modelo atual. O modelo que se apresenta hoje, da educação infantil ao ensino médio, é o mesmo que conhecemos há mais de um século – grade curricular dividida em disciplinas fragmentadas, sem interdisciplinaridade entre as áreas, procedimentos pedagógicos ultrapassados subutilizando as tecnologias ou simplesmente ignorando-as, falta de espaço para inovação e criatividade e conhecimento desconectado do mundo lá fora.

Apesar de termos avançado em uma série de aspectos – inclusive no que se refere ao uso de tecnologia aplicada a novos procedimentos pedagógicos, ainda temos uma escola centrada nas ações do professor e não no aluno. Estamos habituados a colocar o professor como o principal ator no processo pedagógico quando, na verdade, o aluno deveria estar no centro, junto com o professor. Ainda existe um certo receio de deixar os alunos à vontade no uso das tecnologias digitais e equipamentos eletrônicos, como por exemplo algo que possa fugir ao controle da aula e/ou do professor. É preciso inverter a lógica da sala de aula tradicional para que possa ser sentida uma mudança efetiva.

Acredito que o descompasso entre alunos imersos no meio digital e professores “de uma outra época” está diminuindo... e que temos grandes desafios quando o assunto é a educação para essa geração digital. Embora boa parte dos professores ainda insista em fechar os olhos a todas essas mudanças iniciadas com as TDIC (Tecnologias da Informação e Comunicação), o descompasso tem diminuído, pois é muito fácil perceber que não se pode mais voltar atrás! Acredito que o maior desafio agora tem sido em como implementar as tecnologias digitais de forma adequada e relevante, para que a tecnologia não seja utilizada sem planejamento ou sem intenção pedagógica.

E aí chegamos no papel do professor nesse complexo cenário....Como se preparar para tudo isso?
Sem dúvida, o professor é uma peça-chave em todo esse contexto! Apesar de as instituições serem responsáveis pela estrutura física e material, o professor deve ser o start das mudanças pedagógicas dentro da sala de aula junto a seus alunos, proporcionando novos espaços conectados de aprendizagem, experimentando diversas ferramentas digitais e metodologias inovadoras, mantendo-se próximo dos alunos, ouvindo-os mais e incentivando-os em novos projetos. O professor não deve esperar que a Instituição lhe ofereça formação tecnológica adequada para se apropriar das TDIC e modalidades de ensino diferenciadas, mas sim ter iniciativa, ser sujeito da sua prática, cultivar a pesquisa para si e para seus alunos, aproveitando tudo o que a grande rede pode lhe oferecer. Atualmente, a internet está repleta de tutoriais, comunidades de aprendizagem, cursos online, MOOCs e listas de discussão, que devem fazer parte da formação indireta do profissional de educação.

É incrível como essa nova geração de alunos tem desafiado a escola... Acredito que essa geração tem trazido questões fundamentais para a escola repensar seus processos e autoavaliar-se, não só no que se refere ao uso das TDIC, mas também em relação à disciplina, autonomia e pensamento crítico. Essas questões acabam impactando a atuação dos professores, coordenadores, diretores e o espaço escolar, resultando em mudanças, ainda que não tão rápidas como gostaríamos. O perfil cognitivo de uma geração habituada a transitar no espaço digital apresenta-nos novas habilidades comunicacionais, novos comportamentos, novas formas de se relacionar com o conhecimento e uma horizontalidade nas relações interpessoais que favorecem ambientes mais acessíveis e democráticos. Por outro lado, entendo que é de responsabilidade da escola proporcionar o bom uso das TDIC, de forma relevante e intencional, mantendo tradições e valores que ainda são fundamentais para a formação de qualquer cidadão que almeja uma sociedade mais justa e igualitária.

Qual é a imagem da escola do futuro? Nesta perspectiva, vejo a escola do futuro como um local extremamente conectado, por meio de redes colaborativas, onde professores e alunos possam exercitar sua autonomia, tanto no ensinar como no aprender, vivenciando processos inovadores e criativos em diversas linguagens, onde a tecnologia seja o elo entre todos esses processos relacionais e formativos.

BNCC - fique por dentro!

A NOVAESCOLA juntamente com a Fundação Lemann prepararam um guia espetacular para quem quiser saber mais sobre a BNCC - Base Nacional Curricular Comum e entender como ela irá impactar o dia-a-dia da escola. 


Dividido em várias trilhas sobre diversos assuntos e componentes curriculares, funciona como um pontapé inicial para a discussão e implementação de um currículo vivo a partir das competências elencadas na BNCC. Portanto, só não fica por dentro quem não quer.... ;)

BNCC na Prática: Entenda como a Base Nacional Comum Curricular vai mudar o seu dia a dia na escola

Os itinerários formativos também foram destrinchados pelo PORVIR! Para entender um pouco mais, acesse pelo link: PORVIR - Itinerários Formativos

Não deixe para depois! Instrumentalize-se! É dever do professor estar por dentro desses assuntos!

e-book: Na trilha da Alfabetização

O Instituto Natura elaborou um e-book gratuito para baixar com uma trilha sobre Alfabetização e Leitura bastante útil para trabalhar com os pequenos.

Vale a pena dar uma navegada pelo site do Instituto para conhecer outras iniciativas e materiais em Educação.

Para baixar o e-book, clique aqui!


A educação pode acabar com as fake news?

Kadu Braga, consultor em tecnologia educacional e Google Innovator prá lá de competente, discute sobre as FakeNews (notícias falsas) nessa deliciosa entrevista para o PandaCriativo.

Para Kadu:
Uma informação falsa compartilhada por seus pais, seus melhores amigos ou companheiros afetivos tem uma maior potencialidade de ser aceita enquanto verdade, uma vez que se confia subjetivamente na pessoa que a compartilhou — e não necessariamente isso envolve a pessoa ou grupo que produziu a informação em questão.
Clique para ler a entrevista completa!

Jovens são agentes transformadores capazes de instruir sobre as mazelas da era digital. Fonte: PandaCriativo

Habilidades Digitais do Professor

A nossa querida, competente e atuante Google Innovator Roberta Aquino, fez um infográfico interativo (usando a ferramenta já comentada aqui no nosso blog - o Genial.ly) sobre as Habilidades Digitais Básicas que um professor precisa ter. São 5 trilhas a serem percorridas com dicas de programas, ferramentas e aplicativos. Confira!


Softwares Educacionais Inclusivos

Boa notícia!!!! Dica de 10 Softwares Educacionais de Apoio ao Ensino que tem o objetivo de auxiliar pessoas com deficiência intelectual e autistas no processo de alfabetização, matemática básica, aprendizagem social etc. Os softwares são gratuitos, desenvolvidos na UnB. Qualquer pessoa pode baixar. 
Divulguem... Projeto Participar ! Cliquem aqui para baixar.




e-book - implementação da BNCC

Quem é professor sabe que até 2020 é preciso implementar as Bases Nacionais Curriculares Comuns - BNCC, que são referenciais importantes sobre currículo (habilidades e competências) nas escolas brasileiras. Não é fácil fazer essa mudança, principalmente para quem é gestor, que deve administrar o grupo de professores mantendo sintonia na formação geral, respeitando características bastante específicas de cada área de conhecimento.

Foi pensando nesses desafios que a Nova Escola e a Fundação Lemann lançou um Guia de implementação das BNCC para gestores - o que não invalida o acesso por parte dos professores para começarem a se familiarizar com o conteúdo!

Para baixar o e-book, faça um cadastro simples no site da Nova Escola, pois além do e-book, você poderá acessar outros temas e assuntos que com certeza, serão do seu interesse!

Se quiser ir direto para o material, clique aqui!

e-book grátis: Tecnologia e Educação: passado, presente e o que está por vir

Quer uma boa dica para conhecer melhor as TIC - Tecnologias de Informação e Comunicação mais precisamente na Educação? Pois então, o NIED grupo da UNICAMP dedicado ao estudo da tecnologia e educação, lançou o e-book GRATUITO "Tecnologia e Educação: passado, presente e o que está por vir" com reflexões e discussões interessantíssimas sobre o tema em questão. O lançamento vem coroar o grupo que completa 35 anos! 

O livro Tecnologias e Educação: passado, presente e o que está por vir que celebra os 35 anos de existência do Núcleo de Informática Aplicada à Educação (NIED) da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).
Nossa intenção, ao reunir artigos de diferentes pesquisadores que atuam na área de Tecnologia Educacional, é a de projetar diferentes caminhos para os estudos e as práticas do campo, considerando a história que até aqui foi construída e consolidada.
O livro reúne 16 capítulos, alguns dos quais foram escritos em coautoria, de diferentes temas vinculados à área. Esperamos que a diversidade de temas tratados neste livro ofereça ao leitor uma demonstração dos avanços da área de Tecnologia Educacional ao longo do tempo e sirva para aguçar a curiosidade em relação ao que ainda está por vir.
Para baixar, acesse o link do livro

Escolha TRANSFORMAR!

Quer transformar a Educação mas não sabe por onde começar? Quer encontrar mais gente interessada em fazer a diferença na vida dos seus alunos? Quer encontrar seus pares?

Escolha transformar a escola!

Faça parte da mobilização de pessoas que acreditam que a transformação da escola é possível, relevante e urgente. A iniciativa é um esforço coletivo para dar visibilidade a experiências inovadoras em educação, disseminar informações e instrumentos de transformação, influenciar políticas públicas e fomentar o engajamento da sociedade nessa causa.



Paper - Introdução à educação midiática

Material de qualidade, realizado por profissionais competentes do Mídia Maker!
Baixe gratuitamente e aproveite!

Educação midiática é bem mais do que caçar notícias falsas. Afinal, o que é, e porque importa? Que assuntos devemos cobrir na escola? Por onde começar? Este ebook introduz o assunto e aponta alguns recursos para trabalhar a leitura e produção de mídias na escola.